Ao acionar o seu programa gerenciador de correio eletrônico o usuário verificou o recebimento de uma mensagem eletrônica não solicitada. Abriu a mensagem e percebeu que se tratava de um cartão virtual onde um link informava “clique aqui para visualizar o cartão”. Ao clicar no link, o usuário foi levado para um site onde foi solicitado seu “nome de usuário e senha” de conexão ao provedor da internet. Após informar estes dados, percebeu que se tratava de uma página fraudulenta e que seus dados haviam sido roubados. Portanto, o usuário foi vítima de uma fraude chamada:
(A) Pharming / (B) IP spoofing / (C) Trojan horse / (D) Phishing Scam


Pharming: Se o servidor de DNS estiver vulnerável ele é invadido e assim muda-se o IP de determiando site dentro do DSN deslocando assim o suário para um site falso mesmo que ele tenha digitado o endereço real de um site.
IPspoofing : Essa técnica de invasão consiste em se passar por um IP da máquina da empresa para poder mandar informações e buscar informações de outras máquinas com mesmo IP.
Trojan horse: Aqui é tranquilo né. Todos conhecem a lenda do cavalo e tróia que foi utilizado para invadir e depois abrir portas.
Phishing Scam: É a tentativa de roubar senhas e códigos do usuários, normalmente direcionamdo o mesmo para sites falsos onde o mesmo acaba digitando suas informações.
Com isso temos a resposta de nossa pergunta acima: D.